Atual quadro de SUVs para PcD: optar pelo Kicks Active, T-Cross Sense ou aguardar o retorno do Tracker?

Leitor está em dúvida sobre o trio acima e pediu nossa análise
Análise entre os SUVs compactos do mercado

Análise entre os SUVs compactos do mercado | Imagem: Fernando Calmon

Bom dia, em face do retorno das versões PCD do Nissan Kicks e do Volkswagen T-Cross, qual carro compensa mais? Ou é melhor aguardar eventual retorno da Chevrolet Tracker PcD? Obrigado - pergunta enviada por Alexandre

Alexandre obrigado por enviar sua pergunta e participar do Guru dos Carros

Tudo vai depender da etapa em que você se encontra com a documentação e a necessidade de escolha de um automóvel no momento. 

De maneira geral, creio que vale a pena sim você aguardar a volta da configuração 1.0 Turbo automática do Chevrolet Tracker, até para conhecermos com mais detalhes qual será o caminho adotado pela marca norte-americana. É fato que o Tracker, seja no catálogo R8T como no R8U era não só a escolha mais completa entre os SUVs compactos bem como para o público PcD em geral. Só nele você encontrava itens como central multimídia, sensor de estacionamento, câmera de ré e até mesmo chave presencial de série. Se o modelo perder apenas as rodas de liga leve quando retomar ao mercado, certamente ainda continuará muito competitivo. 

O VW T-Cross Sense inegavelmente entrega um conjunto mecânico bastante sofisticado dentro da categoria, com destaque para a eficiência do motor 1.0 turbo com injeção direta. Fruto de um projeto moderno, ele, assim como o Tracker para PcD, conta com 6 airbags e os controles de tração e estabilidade de série. 

A grande questão é que, se a Chevrolet conseguir manter o bom nível de equipamentos de série no Tracker quando ele voltar ao mercado, o Chevrolet volta a ser a melhor escolha dentro dessa modalidade de compra. 

Assim como o T-Cross Sense, o Nissan Kicks Active também exige um gasto considerável em equipamentos. Anteriormente o Kicks ao menos contava com rádio de série, porém, na migração para a versão Active o SUV deixou de trazer o aparelho de série. O T-Cross Sense 2021 também não sai de fábrica com nenhum sistema de som ou conectividade instalado. 

Em resumo, Alexandre, eu aguardaria a retomada dos pedidos pelo Tracker PcD em especial por conta dos catálogos que já conhecemos do SUV para a compra com isenção. 

Se você não pode esperar e precisa tomar uma decisão em breve, é mais indicado optar pelo VW T-Cross Sense. 

Entre o T-Cross Sense e o Kicks Active você terá que gastar com acessórios do mesmo jeito, sendo que a vantagem do VW reside no nível de segurança superior graças aos 6 airbags (2 no Kicks Active) e ao conjunto mecânico que oferece desempenho bem mais interessante com a vantagem do consumo no mesmo (bom) nível do Kicks. 

Logo, creio que, dentro do atual quadro de opções para quem deseja um SUV para PcD, essas são as alternativas mais viáveis. 

Espero ter ajudado! 

Pergunte para o Guru dos Carros!

Tem uma dúvida a respeito de um veículo que está interessado? Envie sua questão para o Guru!


Clique no botão abaixo e acesse o formulário.

Pergunte para o Guru