Boas opções de carros para receber blindagem

Leitora quer a ajuda do Guru para selecionar alguns modelos que recebam bem a proteção extra
Toyota SW4 2016

Toyota SW4 2016 | Imagem: Divulgação

Guru, quais seriam algumas boa opções de carros para receber blindagem? - pergunta enviada por Daniela.

Daniela, obrigado por enviar sua pergunta e participar do Guru dos Carros

Em primeiro lugar, é interessante analisarmos alguns pontos envolvendo a blindagem de veículos. Uma das coisas mais importantes é que você se certifique de executar o serviço em uma empresa de boa reputação no mercado, sobretudo envolvendo a parte técnica. Uma sugestão é procurar por blindadoras credenciadas pelas próprias fabricantes, que já tÊm mais experiência em lidar com determinados veículos. A Volkswagen, por exemplo, conta com esse tipo de serviço. A blindagem de um carro é um processo muito complexo e elaborado, uma vez que envolve praticamente a desmontagem de todo o acabamento e forração interna do carro, além de mexer com a parte elétrica. Além disso, o procedimento e materiais precisam ser validados junto ao Exército. 

Segundo item fundamental: o peso extra da proteção balística, que gira em torno de 200 kg dependendo do nível escolhido, requer uma manutenção mais cuidadosa do carro. Elementos como a suspensão e sistema de freio são submetidos a um esforço maior, portanto o desgaste pode ser prematuro. 

Partindo para os modelos, minha sugestão recai sobre veículos capazes de lidar com essa sobrecarga de peso com mais facilidade. Como o consumo aumenta, também acho melhor considerar os veículos a diesel pela maior autonomia e baixo consumo de combustível. 

Logo, Daniela, duas opções que se adequariam bem a esse perfil são o Chevrolet Trailblazer e o Toyota SW4. Ambos ainda utilizam a velha configuração de carroceria sobre chassi, o que, se compromete um pouco a suavidade ao rodar, ao menos deixa o conjunto bem mais parrudo para encarar reforços como a blindagem. Além disso, com torque de sobra em suas configurações diesel, o Trailblazer e o SW4 praticamente não têm seu desempenho e consumo de combustível muito prejudicados. 

Na mesma linha, porém, falando de alternativas bem mais baratas, o Jeep Renegade e a Fiat Toro em suas configurações com motor 2.0 diesel e câmbio automático de 9 marchas surgem como opção. 

Até aqui os quatro modelos citados também contam com uma vantagem adicional: a maior altura livre em relação ao solo e os ótimos ângulos de ataque e saída no caso dos SUVs grandes de Chevrolet e Toyota, favorecem em manobras de emergência para evitar situações de risco. 

Já se você tem preferência por sedã, o Volkswagen Jetta em sua versão topo de linha Highline é uma alternativa a ser considerada. Com boa dose de potência e torque, o VW lida melhor com a sobrecarga de peso, apesar do consumo tornar-se elevado. 

Espero ter ajudado!

Pergunte para o Guru dos Carros!

Tem uma dúvida a respeito de um veículo que está interessado? Envie sua questão para o Guru!


Clique no botão abaixo e acesse o formulário.

Pergunte para o Guru