Compra com isenção de IPI: Jeep Compass ou VW T-Cross?

Leitor deseja um modelo com bom nível de tecnologia; confira ajuda do Guru
Jeep Compass e Volkswagen T-Cross

Jeep Compass e Volkswagen T-Cross | Imagem: Montagem Autoo sobre fotos de divulgação

Primeiro quero parabenizá-lo pelas as análises realizada e que com certeza ajuda, nós compradores de veículos a realizar uma boa compra e na tomada de decisões.Tenho isenções de ipi e icms pois compro na modalidade PCD e como gostaria de comprar desta vez um carro mais completo tanto de tecnologia como revenda pós, vou abrir mão da minha carta de icms, ou seja, vou comprar só com IPI e realizando pesquisa de preços, notei que esses dois modelos que irei citar ficam no mesmo patamar na questão de valor já com a isenção.Gostaria da sua opinião na decisão de uma compra de um T Cross Highline completo com todos acessorios que bate mais ou menos 127.000,00 ou Jeep renegade a diesel na configuração longitude ou trailhawk. Os dois com isenção de IPI estão quase no mesmo valor.Um abraço e aguardo sua análise e opinião, obrigado desde de já - pergunta enviada por Gilson Carvalho 

Gilson obrigado por enviar sua pergunta e participar do Guru dos Carros!

Sua dúvida é muito boa uma vez que nos permite contrapor dois modelos com várias qualidades.

Se você busca mais tecnologia e o preço é semelhante, creio que vale a pena partir para o Jeep Compass com motorização diesel.

Como você confere em nosso teste com o T-Cross Highline 250, o SUV compacto da Volkswagen reúne muitos pontos positivos, mas é inegável que o Jeep Compass está em em um segmento acima em termos de porte, o que lhe rende uma cabine um pouco maior e mais espaço disponível no porta-malas. Além disso, na opção diesel, o sistema de tração integral oferecido pelo Compass é um atributo muito relevante pensando na segurança ativa. O recurso também permite ao Compass passar por algumas vias não pavimentadas que talvez o T-Cross, por contar com tração apenas nas rodas dianteiras, teria bastante dificuldade.

Outro ponto relevante é que a motorização diesel é a melhor pedida no momento para o Compass, uma vez que o propulsor 2.0 com esse combustível oferece torque de sobra para acelerações e retomadas bem vigorosas no caso do Jeep. O câmbio automático de 9 marchas do Compass também o ajuda a ser muito econômico e, se você rodar bastante, poderá lhe favorecer do ponto de vista do custo por quilômetro.

Não há do que reclamar em termos de eficência quando falamos do T-Cross, em especial na versão topo de linha Highline, já que o motor 1.4 turbo também cai como uma luva para o modelo.

Além do maior porte e do bom conjunto mecânico, o Jeep Compass diesel pode atender melhor quem busca um bom pacote de tecnologia uma vez que, na versão Trailhawk, o opcional Pack High Tech acrescenta recursos avançados como o piloto automático adaptativo, alerta de mudança de faixa, faróis com comutação automática para o facho alto, alerta de colisão frontal entre outros recursos. Logo, quando falamos em assistente de condução, a lista do Jeep Compass Trailhawk completo é mais vasta do que o T-Cross 250 TSI oferece. O VW traz como um de seus principais recursos mais avançados de tecnologia o assistente de estacionamento, que figura em um pacote que acrescenta também os faróis com iluminação full-LED.

Por tudo isso, creio que ao optar pelo Jeep Compass você fará uma compra mais interessante.

Espero ter ajudado!

Pergunte para o Guru dos Carros!

Tem uma dúvida a respeito de um veículo que está interessado? Envie sua questão para o Guru!


Clique no botão abaixo e acesse o formulário.

Pergunte para o Guru