Compra com isenção de IPI: Jeep Renegade Moab ou VW T-Cross Highline?

Leitor está em dúvida entre os dois SUVs compactos e pediu nossa análise
VW T-Cross e Jeep Renegade

VW T-Cross e Jeep Renegade | Imagem: Montagem Autoo sobre fotos de divulgação

Olá, César, Primeiramente, gostaria de te parabenizar pela seção. Gosto muito de ler suas análises!Gostaria de propor uma análise um pouco diferente por se tratar de carros não tão similares. Sou PCD e estou considerando uma compra somente com isenção de IPI. Notei que o preço de um T-cross highline, por exemplo, é bem próximo a um Renegade Moab - ambos perto de 100 mil. Apesar de hoje não fazer trilhas e usar o carro mais pra trabalho/casa, o uso maior é cerca de 70 estrada 25 urbano 5 terra (bem leve). E agora? T-cross ou Renegade? Obrigado pela ajuda! - pergunta enviada por Mário 

Mário obrigado por enviar sua pergunta e participar do Guru dos Carros

A pergunta enviada por você é muito interessante uma vez que a intenção da Jeep com a nova versão Moab para o Renegade 2021 é justamente posicionar o modelo como uma alternativa frente às versões mais completas dos concorrentes, como o Volkswagen T-Cross no catálogo Highline. 

Se você consegue negociar os dois SUVs por uma faixa de preço semelhante, creio que é mais interessante optar pelo Renegade Moab. 

O modelo nessa configuração tem um diferencial muito importante que é a presença da tração integral. Mesmo que você trafegue por vias não pavimentadas de fácil acesso, o recurso garante um patamar de segurança ativa muito superior em relação a um automóvel com tração apenas nas rodas dianteiras. 

O Volkswagen T-Cross Highline destaca-se no quesito desempenho graças ao eficiente motor 1.4 turbo com injeção direta, porém o Renegade Moab não fica para trás graças aos 35,6 kgfm de torque do motor 2.0 turbodiesel, que ainda confere elevada autonomia e baixo consumo ao SUV graças ao trabalho em conjunto com a transmissão automática de 9 marchas. 

Para você que roda grande parte do tempo em estrada, a propulsão diesel pode ser uma aliada para reduzir seu custo/km em seus deslocamentos. 

Minha ressalva quanto ao Renegade Moab, entretanto, fica por conta do fato de você ter ou não uma família mais numerosa e precisar de mais espaço interno. Se for esse o caso, o T-Cross Highline é a pedida mais interessante uma vez que acomoda com bem mais conforto 5 passageiros graças ao seu amplo entre-eixos e a concepção moderna de seu projeto. 

Analisando a questão de equipamentos, os dois SUVs são bem equivalentes, saindo de fábrica com central multimídia, câmera de ré, sensor de estacionamento, controles de tração e estabilidade, rodas de liga leve aro 17", ar-condicionado automático digital, entre outros recursos. O T-Cross Highline diferencia-se por acrescentar 6 airbags, sensor de estacionamento dianteiro, acendimento automático dos faróis, chave presencial e sensor de chuva. 

Como você fará a compra com isenção de IPI, o fato do Renegade contar com motorização diesel lhe proporciona um abatimento consideravelmente maior no preço do modelo, que hoje gravita nos R$ 140 mil para o público em geral contra cerca de R$ 125 mil do T-Cross Highline. Somente levando em conta o valor do tributo, estamos falando de uma alíquota para o IPI de 25% para veículos a diesel contra 11% para carros flex entre 1.0 e 2.0 l. Certamente, olhando para o longo prazo, você deverá preservar uma boa parcela do capital gasto na compra do Renegade quando for revendê-lo. 

Logo, considerando seu perfil de uso e a modalidade de aquisição, o Renegade Moab parece oferecer mais qualidades intrínsecas na hora da compra. A menos que você necessite de amplo espaço interno, creio que ele é a escolha recomendada. 

Espero ter ajudado! 

Pergunte para o Guru dos Carros!

Tem uma dúvida a respeito de um veículo que está interessado? Envie sua questão para o Guru!


Clique no botão abaixo e acesse o formulário.

Pergunte para o Guru