Devo trocar um SW4 diesel 2015 por um Tiggo 7 Pro 0 km?

Leitor está em dúvida se vale migrar para o SUV médio da CAOA Chery e pediu nossa análise
CAOA Chery Tiggo 7 2022

CAOA Chery Tiggo 7 2022 | Imagem: Divulgação

Olá prezado Guru, o que achas, eu trocar sw4 2015, diesel, 7 lugares, 100 mil km, por Cherry Tiggo 7 pro, 2023, 0km, visando conforto e tecnologia a bordo? Esposa reclama do peso da direção do jipe. Minha familia, eu, esposa, e um filho 4 anos - pergunta enviada por Paulo

Paulo obrigado por enviar sua pergunta e participar do Guru dos Carros

De fato temos no Toyota SW4 uma robustez pouco equiparada por outros modelos, entretanto o conjunto estrutural formado pela carroceria sobre chassi e o eixo rígido traseiro acaba, de fato, cobrando a conta na menor suavidade ao rodar e facilidade de condução quando comparamos o SW4 com um automóvel de passeio. 

Se a busca da família recai por um modelo mais confortável e fácil de dirigir, creio que a troca pelo CAOA Chery Tiggo 7 Pro é sim bastante válida. 

Por ter uma concepção monobloco e suspensão independente nas quatro rodas, o Tiggo 7 Pro é um utilitário esportivo com dinâmica de um carro de passeio, com a vantagem de preservar uma cabine ampla e espaçosa e um bom porta-malas, devendo apenas as três fileiras de assentos em relação ao seu SW4. 

A introdução do motor 1.6 turbo com injeção direta trouxe ao Tiggo 7 Pro nível de eficiência muito superior, com destaque para o bom desempenho. Tenha em mente apenas que ao trocar seu utilitário a diesel por um veículo a gasolina seu custo por quilômetro pode ficar mais caro caso você percorra longas distâncias.  

Hoje o Tiggo 7 Pro traz uma boa lista de itens de série, com destaque para o teto solar panorâmico, revestimento interno de couro, sistema de câmeras 360º e monitoramento de pontos cegos. 

Olhando para o curto prazo, é certo que o modelo também entrará na estratégia da CAOA Chery de oferecer apenas modelos eletrificados no país, portanto um Tiggo 7 Pro híbrido está nos planos da empresa no futuro. O SUV, em conjunto com a eletrificação, também deverá reforçar seu conteúdo de tecnologia recebendo um pacote mais completo de assistentes de condução. 

Ainda não temos previsão de estreia para o Tiggo 7 Pro híbrido, porém é algo que deverá ocorrer ao longo do ano que vem. O preço, contudo, também deverá ser majorado em relação ao produto atual somente com propulsão térmica. 

Em resumo, se você encontrou uma boa condição comercial para adquirir o Tiggo 7 Pro no momento, vale a pena efetuar a troca do SW4 se você está em busca de conforto superior na condução. Caso queira o SUV com um pacote mais sofisticado em termos mecânicos e de conteúdo, talvez seja prudente aguardar até o ano que vem para fechar negócio. 

Espero ter ajudado! 

Pergunte para o Guru dos Carros!

Tem uma dúvida a respeito de um veículo que está interessado? Envie sua questão para o Guru!


Clique no botão abaixo e acesse o formulário.

Pergunte para o Guru