Olá César Tizo, bom dia. Estou em dúvida entre o RAV4 e o Jeep Compass. Principalmente em relação ao consumo, manutenção, itens pós-venda. Gostaria de sua opinião. Obrigado - pergunta enviada por João Neto 

João obrigado por enviar sua pergunta e participar do Guru dos Carros

Em primeiro lugar, vale um esclarecimento importante. Devido ao baixo número de vendas, você ainda encontra unidades do Toyota RAV4 2015 ainda sendo comercializados como novos. Para o começo deste ano, conforme revelamos no AUTOO, está prevista a chegada da linha 2017 do utilitário esportivo, que trará novidades no visual e na parte interna. 

O RAV4 está longe de ser um modelo ruim, com destaque para seu excelente espaço interno, contudo, como é importado, o preço elevado demais acabou por fazer a procura desabar. 

Segundo a Toyota, o RAV4 2017 chegará ao Brasil somente na versão 4x2 Top automática, com preço na casa de R$ 150.000 se considerarmos o modelo atual. Por esse valor, o modelo é bem equipado e conta com ar-condicionado automático digital com 2 zonas, central multimídia com navegador e reprodução de DVD, chave presencial, airbags laterais e de cortina, dentre outros. 

A balança, contudo, começa a pender para o lado do Jeep Compass quando analisamos em especial o custo-benefício. Por R$ 126.990, portanto um preço bem menor do que o RAV4, você pode levar o Compass para casa na versão Limited, a mais cara equipada com o motor 2.0 flex. Dentre outros recursos, ela conta com rodas de liga leve aro 18", farois de xenon, 7 airbags, sensores de luminosidade e chuva, sistema de monitoramento de ponto cego, além de tudo o que está presente no RAV4 Top 4x2. 

Outra vantagem do Compass, é que, caso você se desloque por longas distâncias com frequência, poderá optar também pela versão Longitude com o motor 2.0 a diesel, tabelada em R$ 134.900. Por esse preço, o Jeep também oferece tração 4x4 e câmbio automático de 9 marchas. 

No que diz respeito ao consumo, o Toyota RAV4 4x2 alcança parciais de 9,5 km/l na cidade e 10,9 km/l na estrada sempre com gasolina, o único combustível aceito pelo motor 2.0 trabalhando em conjunto com o câmbio CVT. O Compass 2.0 flex entrega médias de 8,1 km/l na cidade e 10,5 km/k na estrada, também com gasolina para manter a paridade entre os dois modelos. O Compass diesel, por sua vez, é capaz de percorrer 9,8 e 11,4 km/l, respectivamente.

A Toyota infelizmente não disponibiliza os valores das revisões do RAV4. A Jeep, por sua vez, adota uma nova política para as revisões do Compass flex, que são realizadas a cada 12.000 km. O custo total das três primeiras atinge R$ 2.013, o que está na média do mercado considerando o período.

Logo, creio que ao optar pelo Jeep Compass você estará fazendo um melhor negócio, inclusive pensando na desvalorização e liquidez futura. Já bem mais aceito no mercado, o Jeep Compass está praticamente liderando o segmento desde seu lançamento, o que sem dúvida ajudará a criar uma boa imagem do SUV por aqui.

Espero ter ajudado! 

 

César Tizo |

Pergunte para o Guru dos Carros!

As respostas nesta seção são realizadas por César Tizo, um fanático por automóveis e tudo que cerca o tema. Profissional com mais de 10 anos experiência na área, sabe que escolher um carro novo não é uma tarefa fácil e vai colocar toda sua experiência para ajudá-lo(a). Se você está em dúvida sobre algum modelo ou quer alguma indicação por faixa de preço, mande uma mensagem para o Guru dos Carros!

Vale destacar que enviando sua pergunta pelo formulário ao lado ou em nossa página no Facebook você estará autorizando a publicação da mesma de forma integral, incluindo seu nome. As opiniões sobre a escolha do carro são apenas sugestões, isentando o autor de qualquer responsabilidade sobre problemas ou outras pendências envolvendo o veículo indicado.
Nome completo*
Estado
E-mail*
Sua dúvida*
*Campos obrigatórios