Caro Guru,Sou deficiente visual e por isso vou gozar das isenções de IPI e ICMS na compra de veículo novo.Como tenho uma filha pequena e minha esposa que dirige, sempre vou atrás, sou alto e como viajo bastante de SP para o MS, preciso de um carro com um bom porta-malas, com bastante espaço interno e que seja econômico.Também tenho dúvidas entre câmbio automático ou manual, pois minha esposa sempre dirigiu carro mecânico e ela não sabe na estrada como seria no automático para realizar ultrapassagens.Então, por favor, me indica 4 carros na sua ordem de preferência com as condições supra e qual é o melhor câmbio para estrada (automático ou manual)? Também como penso de trocar de carro em 3 anos, preciso de um que desvalorize menos que os demais e seja bom de revenda.Grato pela atenção!  - pergunta enviada por Adalberth dos Anjos 

Adalberth obrigado por enviar sua pergunta e participar do Guru dos Carros

Vou começar a resposta pela segunda parte de sua pergunta, ou seja, abordando a questão do tipo mais indicado de câmbio. 

Como você pergunta especificamente para o uso na estrada, nesse caso o câmbio manual é bem interessante. Geralmente o investimento maior que é necessário para adquirir um carro com câmbio automático vale a pena para quem está sujeito a encarar congestionamentos nos grandes centros urbanos com frequência. Nesse caso, o alívio de não ter que ficar trabalhando com o pedal da embreagem é reconfortante. 

De qualquer forma, os câmbio automáticos evoluíram muito nos últimos anos e sua esposa não tem com o que se preocupar: para fazer uma ultrapassagem dirigindo um carro com câmbio automático basta apenas acelerar e se preocupar com o volante e o freio, no mais a transmissão faz o trabalho sozinha. 

Se a sua esposa, fora as viagens entre os dois Estados, também usa o carro na cidade e encara congestionamentos diários, talvez seja interessante adquirir um automático. Particulamente falando, uma vez que você se acostuma com um carro com esse tipo de transmissão dificilmente vai querer voltar para um manual. 

Partindo agora para as quatro opções de modelos, seguem abaixo na ordem de preferência: 

1º Toyota Etios Sedã: o modelo entrega todas as qualidades que você deseja em um carro, ou seja, "bom porta-malas, bastante espaço interno e que seja econômico". Basta citar que o porta-malas do Etios Sedã tem capacidade para 562 litros de bagagem, um dos maiores do mercado. Além disso, ele não é um modelo difícil de revender e sua desvalorização não é muito alta, mas para usufruir dessas duas condições vale bem mais a pena optar pelo Etios Sedã com câmbio automático, uma vez que o consumidor desse tipo de carro está cada vez mais optando por esse tipo de transmissão. Equipado com motor 1.5 16V, ele oferece bom desempenho para o uso na estrada e consegue entregar consumo médio de 14,9 km/l (automático) em ciclo rodoviário com gasolina, uma parcial muito boa! 

2º Nissan Versa: o Versa tem uma proposta bem parecida com o do Toyota Etios Sedã, sendo que só fica devendo um porta-malas tão grande como o do rival. Em contrapartida, o espaço interno, em especial no banco traseiro, algo que é importante para você e sua filha, é muito bom. Também pesa a favor do Versa o câmbio automático do tipo CVT, que é mais sofisticado que o automático de 4 marchas do Toyota. A desvalorização e a revenda, contudo, não são tão boas quanto o modelo da Toyota.

3º Honda Fit: em segundo lugar colocaria o Honda Fit, que conta com excelente espaço interno e um conjunto mecânico extremamente eficiente, contudo não oferece um porta-malas tão amplo como o do Etios Sedã. O Fit é um carro com ótima liquidez no mercado de usados e, assim como o Etios Sedã, tem mais procura quando equipado com câmbio automático. 

4ª Hyundai Creta: o recém-lançado Hyundai Creta é uma opção de SUV que você pode encontrar no mercado, atualmente uma das escolhas bem interessantes para o público PCD. Pesa a favor do Creta o bom porta-malas, com capacidade semelhante ao do Versa, e o espaço interno bem aproveitado. Além disso, como indicam seus primeiros números de venda, ele deverá ser um carro bom de mercado. Só falta a ele, porém, um pouco mais de eficiência ao conjunto mecânico, já que o consumo na versão Attitude 1.6 automático, a qual é destinada ao público PCD, é alto demais. 

Esses são os quatro modelos que, na minha opnião, você deveria considerar.

Espero ter ajudado!  

 

César Tizo |

Pergunte para o Guru dos Carros!

As respostas nesta seção são realizadas por César Tizo, um fanático por automóveis e tudo que cerca o tema. Profissional com mais de 10 anos experiência na área, sabe que escolher um carro novo não é uma tarefa fácil e vai colocar toda sua experiência para ajudá-lo(a). Se você está em dúvida sobre algum modelo ou quer alguma indicação por faixa de preço, mande uma mensagem para o Guru dos Carros!

Vale destacar que enviando sua pergunta pelo formulário ao lado ou em nossa página no Facebook você estará autorizando a publicação da mesma de forma integral, incluindo seu nome. As opiniões sobre a escolha do carro são apenas sugestões, isentando o autor de qualquer responsabilidade sobre problemas ou outras pendências envolvendo o veículo indicado.
Nome completo*
Estado
E-mail*
Sua dúvida*
*Campos obrigatórios