Hot hatches: 500 Abarth 2015, Sandero R.S. 2017 ou um Swift Sport R 2016?

Leitor quer saber qual dos três modelos acima seria a escolha do Guru. Confira análise
Fiat 500, Suzuki Swift e Renault Sandero em montagem do Autoo

Fiat 500, Suzuki Swift e Renault Sandero em montagem do Autoo | Imagem: Montagem Autoo

Olá, César. Estou em busca de um segundo carro que entre na categoria dos Hot Hatches. Estou em dúvida entre o Fiat 500 Abarth 2015, Renault Sandero R.S. 2017 e Suzuki Swift Sport R 2016. Qual deles você compraria? Teria algum outro para sugerir? - pergunta enviada por Wellington

Wellington obrigado por enviar sua pergunta e participar do Guru dos Carros!

Sua pergunta é muito interessante e nos permite avaliar modelos muito interessantes e que, sem sombra de dúvida, conseguem sair do convencional quando falamos de modelos de marcas generalistas. Os três modelos que você reuniu, casa um a seu modo, entregam bom nível de desempenho combinado com um interessante aprimoramento mecânico de fábrica em busca das melhores respostas dinâmicas.

Claro que, até para manter o preço mais acessível, nenhum dos três modelos vai oferecer componentes muito mais caros, porém 500 Abarth, Sandero R.S. e Swift Sport R oferecem melhorias sensíveis em direção, suspensão e freios em relação às versões convencionais. Claro que, no caso do Fiat, temos uma opção mais extrema graças ao motor 1.4 turbo de 167 cv e 23 kgfm de torque, o que lhe permite acelerar de 0 a 100 km/h em apimentados 6,9 segundos.

De qualquer forma, o Sandero R.S. já não é um modelo que consideraria, uma vez que, apesar do bom trabalho que o time da Renault R.S. promoveu no hatch, ele não esconde algumas falhas como a ergonomia pouco trabalhada e a posição de dirigir longe da ideal, dois pontos que não combinam com um modelo de maior apelo esportivo no qual seu proprietário certamente deseja encontrar uma condução mais refinada sob todos os aspectos.

Se fosse para escolher entre os três modelos, creio que minha opção ficaria com o Fiat 500 Abarth 2015 pelo conjunto que o hatch oferece. Mesmo assim, o Suzuki Swift Sport R, apesar de figurar como um modelo pouco conhecido, eu o colocaria facilmente como uma louvável segunda opcão.

O Suzuki pode não ter um motor tão empolgante como o 500 Abarth, o que, no fim, acaba preponderando quando falamos de hot hatches, porém o compacto japonês entrega uma dinâmica muito bem resolvida nessa versão. Por ser compacto demais, o 500 Abarth também não fica atrás, sendo que o entre-eixos curto e carroceria pequena permite a ele oferecer respostas bem rápidas ao volante, o que, em alguns casos, até exige mais atenção.

O fato de ser bem desconhecido do público em geral acaba por comprometer a liquidez do Swift Sport R, o que também resulta em uma desvalorização bastante acentuada, por isso é bom ficar atento se você considerar a compra do modelo. Carro com bem mais apelo, o 500 Abarth consegue se destacar mais no mercado, além de oferecer um bom nível de acabamento e equipamentos em sua configuração topo de linha. Encontramos no Fiat 7 airbags, controles de tração e estabilidade, interior com bancos esportivos, entre outros.

Por tudo isso, creio que se ideia é comprar um carro que lhe coloque um sorriso no rosto ao dirigir, o Fiat 500 Abarth é uma excelente escolha.

Espero ter ajudado!

Pergunte para o Guru dos Carros!

Tem uma dúvida a respeito de um veículo que está interessado? Envie sua questão para o Guru!


Clique no botão abaixo e acesse o formulário.

Pergunte para o Guru