Vale a pena trocar o Honda Civic por um Jeep Renegade?

Leitora quer ajuda para decidir se deve trocar o sedã pelo SUV na versão automática
Honda Civic 2010

Honda Civic 2010 | Imagem: Divulgação

Tenho um civic 2009-2010. COMPREI COM INSENÇÃO. SERIA UM BOM NEGÓCIO VENDÊ-LO BARATO CERCA DE 28.000,00 PARA INVESTIR NUM RENEGADE DISPONÍVELCOM INSENÇÕES? SERÁ QUE ELE BEBE MUITO O AUTOMÁTICO TAMBÉM ESTÁ DISPONÍVEL O TUCSON ,MAIS COMPLETO. MAS DEVE SAIR DE LINHA. vAI, ME AJUDA! - pergunta enviada por Simone Moura 

Simone obrigado por enviar sua pergunta e participar do Guru dos Carros

Em primeiro lugar, acho interessante destacar que você já tem um carro excelente em mãos! Particularmente acho o Honda Civic uma boa opção de sedã médio e você não deveria vendê-lo por cerca de R$ 28.000 uma vez que seu carro tem um valor de tabela que gira em torno de R$ 38.000. 

Também não acho interessante optar pelo Jeep Renegade automático: ele "bebe" muito e seu desempenho é muito ruim nas versões com motorização 1.8 flex. Ele torna-se mais atraente nas configurações a diesel, porém aí prepare-se para gastar por volta de R$ 100.000. 

O Hyundai Tucson segue a mesma linha de consumo elevado. Além disso, como você cita na pergunta, ele está chegando próximo ao fim de seu ciclo no Brasil. 

Percebo que você quer partir para um utilitário esportivo, Simone, então uma sugestão que recomendo a você é aguardar a chegada do Nissan Kicks produzido no Brasil, o que deve ocorrer até o fim do primeiro semestre de 2017. 

Hoje o Kicks é importado do México, o que inviabiliza sua compra com isenção de impostos, além do preço na casa de R$ 90.000 da versão topo de linha SL ser elevado. Com a estreia da produção nacional, ele deverá expandir o leque de configurações e inclusive ganhar alguma opção voltada ao público PCD, uma vez que a Nissan entende o tamanho considerável desse público. 

É isso, SImone, espero ter ajudado! 

Pergunte para o Guru dos Carros!

Tem uma dúvida a respeito de um veículo que está interessado? Envie sua questão para o Guru!


Clique no botão abaixo e acesse o formulário.

Pergunte para o Guru